28/09/07

Referências - 3


A referência gráfica que hoje vos apresento é uma foto tirada em 1968, à 2ª Classe da Escola dos Coqueiros (Nº9), em Luanda, e a respectiva vinheta do 2º livro.

A 2ª Classe era a única que naquela Escola funcionava no período da tarde, pelo que não tínhamos mais colegas para brincar. Digo “tínhamos”, pois esta é a minha 2ª Classe. Falta aqui o Jorge Godinho (o meu melhor amigo: andámos juntos desde a Maternidade até ao 1º Ano do Ciclo), que se encontrava de férias na “Metrópole”.

Vou tentar identificar os elementos dos quais (ainda) me lembro, deixando aqui um repto a quem, porventura está fotografado no grupo (ou não) e tenha acedido por um qualquer milagre a esta página, o favor de me ajudar à identificação total.

1- Eu, 2- Adelino, 3- Pinto, 4- ?, 5- ?, 6- Zé, 7- Vilaça, 8- António, 9- Fernando, 10- Nélson, 11- Carlos Alberto, 12- ?, 13- ?, 14- ?, 15- ?(prima do Carlos Alberto), 16- ?, 17- Elizete, 18- ?, 19- ?, 20- ?, 21- Arlete, 22- Janota, 23- ?, 24- Funcionário, 25- Fernanda?, 26- ?, 27- Esperança (prima do Janota), 28- Ostílio, 29- Professora (que era uma Profª de substituição, já que a nossa era a Dª Helena, que nesta altura estava de licença de parto - penso)

2 comentários:

Anónimo disse...

É sem dúvida, uma fotografia incontornável de uma geração, também ela já em mudança.O "nosso bairro" era o centro do Mundo, palco por excelência de todas as tropelias de uma infância despreocupada. Como não lembrar a tirania da reguada, da velhinha pedagogia ritualizada, das vertiginosas corridas de carros de rolamentos, nas traseiras do estádio dos coqueiros, onde testávamos a sua robutez e experimentávamos o sentimento de liberdade,em manifesta contravenção sonora.Um abraço, Jorge Godinho

J.Mascarenhas disse...

Eis a magia da net:
O meu amigo Jorge acaba de responder a esta entrada. Curiosamente, um dos que não teve hipótese de ficar na foto.
Já agora, Jorge, lembras-te de algum dos nomes em falta?
Um grande abraço.