12/06/08

O Menino Triste na Escola


O Menino Triste esteve presente em mais uma acção de divulgação de Banda Desenhada junto de uma escola.
Desta vez, numa escola do Algarve, onde o contacto com os alunos e professores se mostrou imensamente interessante. Conversou-se sobre Banda Desenhada, as suas várias vertentes, estilos, técnicas e muitas mais coisas. Algumas das crianças mostraram já algum conhecimento sobre diversos aspectos técnicos da Banda Desenhada, sendo potenciais apreciadores futuros da nossa forma preferida de literatura.
Havemos de lá voltar. Prometo!

6 comentários:

JoaoPedro disse...

Boa tarde!
Sim, claro que consigo arranjar uma gravação! Envie-me um e-mail: joao.p.nunes@netcabo.pt
Abraço,
João Pedro Nunes

Luís Graça disse...

O que é isso a invadir o território do José Carlos Fernandes?
Também gostavas que ele andasse a mostrar as bandas desenhadas dele em Benfica?

J.Mascarenhas disse...

Luis:
Não te esqueças que "aquele" também é o "meu" território ;)

Geraldes Lino disse...

Continuando a conversa do Luís Graça, algo pertinente, sugiro que vocês, ambos engenheiros (um do ambiente, o JCF, outro electrotécnico, ou lá o que és tu, JM), ambos algarvios, ambos autores de banda desenhada, ambos a darem palestras sobre BD no Algarve, tentem delimitar tarefas. Façam uma espécie de Tratado de Tordesilhas Bedéfilo, e tracem uma fronteira para sabermos, definitivamente, quem faz o quê :-)odaexclusivo

Luís Graça disse...

Olha, já nem me lembarava de que eras dos Algarves. Isto da Académica baralha um gajo.

J.Mascarenhas disse...

Oh Lino:
Sinceramente!
Achas que há algum conflito nesta actividade? Achas que há essa necessidade? Um tipo faz uma acção numa escola de vez em quando, e se a seguir lá fôr outro colega (por muita coincidência) achas isso negativo?
Não vejo razão para esse teu comentário. Muito sinceramente!
Por outro lado o JCF, do qual sou bastante amigo, tem a sua acção (pricipalmente) no Barlavento. Eu quedo-me (quando posso) pelo Sotavento. Por isso...
Abraços