23/04/09

O Meu Selo Menino Triste

O Menino Triste já tinha tido a oportunidade de aparecer num selo impresso pelos correios franceses, La Poste, em 2004, quando solicitei esse serviço comemorando os três anos de vida da personagem. Foi feito um post com essa referência, aqui no blog.
.
No final do ano de 2008, e desta vez celebrando a primeira história em formato de álbum editada pela Qual Albatroz, e como os Correios portugueses entretanto já dispõem de um serviço semelhante aos seus congéneres franceses – Meu Selo - foi emitido um lote de selos onde é visível o desenho das guardas do álbum. Aqui fica então esse selo.

5 comentários:

Pan disse...

Nestes tempos em que o correio electrónico vem substituindo, tristemente, o tradicional, sabe bem ver estes exemplares filatélicos com uma imagem que nos é tão simpática!
Mais uma vitória do MT!
Francisco

J.Mascarenhas disse...

Olá Francisco.
Efectivamente há coisas que muito dificilmente irão ser substituídas num futuro próximo, como é o caso do Correio tradicional. A menos que o tele transporte de matéria leve um desenvolvimento enorme nos próximos tempos, não vejo como as minhas encomendas, com o material de Banda Desenhada, vindas de todo o mundo, chegariam a minha casa.
Ainda há (muitas) coisas que merecem o nosso esforço no sentido de as preservarmos. Aliás, esse é o espírito d'O Menino Triste.
Abraços

csa disse...

Tem piada.
Eu continuo a escrever cartas, mesmo fazendo um grande uso da comunicação electrónica.
Por exemplo, escrevo postais de natal a muitos amigos e gosto de dar os parabéns pelo aniversário enviando um cartão pelo correio normal. :)
Onde se pode arranjar um maravilhoso selo do MT?

csa disse...

Tem piada.
Eu continuo a escrever cartas, mesmo fazendo um grande uso da comunicação electrónica.
Por exemplo, escrevo postais de natal a muitos amigos e gosto de dar os parabéns pelo aniversário enviando um cartão pelo correio normal. :)
Onde se pode arranjar um maravilhoso selo do MT?

looT disse...

Muito bom, adorei.

Parabéns

Abraço